Notícias

Assaltantes se passam por Policiais e invadem residencial em São Paulo

Assaltantes se passam por Policiais e invadem residencial em São Paulo

15.04.16

|

postado por MOON PROPAGANDA

|

TECNOLOGIA

As fragilidades encontradas na portaria dos condomínios estão relacionadas, principalmente a falhas humanas e também a falta de estrutura. Quando condôminos optam por investir em aparelhos tecnológicos (que diminuem ou inibem a ação de criminosos) há muito mais segurança e tranquilidade para viver no local.

A portaria convencional, com a presença de um porteiro, está mais vulnerável a ação de criminosos. Nesta quinta-feira, 14 de abril, homens vestidos de policiais federais e fortemente armados, invadiram um edifício em Santo André/SP, onde ludibriaram o porteiro e após, o renderam. Durante três horas fizeram arrastões nos apartamentos, levando joias, roupas e dinheiro.

A substituição da portaria convencional pela portaria remota vem sendo uma das únicas alternativas encontradas por moradores para aumentar consideravelmente os níveis de segurança e também a redução de custos – fator importante neste período de recessão econômica.

O sistema Kiper permite o controle sobre quem entra e quem sai no condomínio, proporcionando ao síndico e demais moradores mais tranquilidade. Além disso, há uma redução de até 50% nos custos com portaria, permitindo assim, investimentos na estrutura e melhorias do condomínio.

Portaria remota e o aumento de segurança:

Para evitar a ação de criminosos à alternativa mais eficiente e segura é a portaria remota Kiper – uma solução envolvendo hardware e software, para o controle e gerenciamento do acesso de condomínios à distância.

Visando mais tranquilidade e proteção, a empresa lançou o APP Kiper – instalado no celular do morador, possibilitando mais liberdade e segurança. O aplicativo substituiu a tag por um QR Code e com um leitor ótico fica muito mais rápido e fácil o acesso em seu condomínio e ao seu apartamento.

  • COMPARTILHAR

  • |
  • |